segunda-feira, 14 de abril de 2008



Religião e Estado

Somos um estado laico (isto é, desprovido de influência religiosa) , disse certo político. Será? Quando se tem um “santo” de gesso eleito vereador perpétuo (isso se deu na cidade de Igarassu, Pernambuco) e que recebe salário, sinceramente não sei se somos estado laico ou ...
estado louco.


As eleições estão chegando, a politicagem “gospel” está às portas... (para não dizer nos púlpitos...).